Pesquisar este blog

HÉLIO DO SOVERAL (1918-2001, Portugal/Brasil)



Nome de Nascimento: Hélio do Soveral Rodrigues de Oliveira Trigo 
Data de Nascimento: 30 de setembro de 1918 
Local de Nascimento: Setúbal, distrito de Setúbal, Portugal 
Data de Falecimento: 21 de março de 2001 (82 anos) 
Local de Falecimento: Brasília, Distrito Federal, Brasil 
Pseudônimos: Alexeya Slovenskaia Rubenitch, Allan Doyle, Clarence Mason, Ell Sov, Frank Rougler, Gedeão Maureira, Hélio do Soveral, Irani de Castro, John Key, K.O. Durban, Louis Brent, Luís de Santiago, Maruí Martins, Sigmund Gunther, Stanley Goldwin, Tony Manhattan, Yago Avenir dos Santos, W. Tell


Bibliografia


Nota: Consta que Soveral escreveu 230 livros usando os mais variados pseudônimos (aparentemente 19) conforme consta na relação de pseudônimos acima. Dos 230 títulos, essa bibliografia conseguiu levantar 142, ordenados abaixo por suas séries. É relatado que além dos títulos abaixo, ele escreveu 53 livros para a série ZZ7 (Editora Monterrey), além de livros para as coleções Pânico e Monterrey, ambas da editora Monterrey, e dois livros de faroeste para a editora Vecchi, mas esses dados não foram confirmados no levantamento dessa bibliografia. Espero que em algum dia essa bibliografia do autor possa ser completada.



Série A Turma do Posto Quatro



Publicado entre 1973 e 1979 pela editora Edições de Ouro (atual Ediouro). A série é composta por 35 títulos que o autor escreveu usando o pseudônimo Luís de Santiago. As histórias são protagonizadas por uma turma de garotos (Lula, Príncipe, Pavio-Apagado, Cidinha e Carlão), que vivem no bairro carioca de Copacabana e sempre se reunem nos finais de semana para desvendar os mais complicados mistérios e crimes. As aventuras são narradas por Lula.



  1. Operação Macaco Velho (1973)
  2. Operação Torre de Babel
  3. Operação Fusca Envenenado (1973)
  4. Operação Vikings da Amazônia
  5. Operação A Vaca Vai pro Brejo (1973)
  6. Operação Tarzan do Piauí
  7. Operação Mar Ouriçado (1973)
  8. Operação Tesouro Submarino
  9. Operação Falsa Baiana
  10. Operação Fla-Flu
  11. Operação Curió na Gaiola
  12. Operação Tamanco Voador (1973)
  13. Operação Ilha do Besouro
  14. Operação Escravos de Jó (1974)
  15. Operação Paulistana
  16. Operação Pampa Mia
  17. Operação Inferno Verde (1975)
  18. Operação Eldorado
  19. Operação Mulher Rendeira
  20. Operação Alvorada (1976)
  21. Operação Café Roubado
  22. Operação Barriga Verde (1977)
  23. Operação Guerra das Amazonas (1977)
  24. Operação Jangadeiros (1977)
  25. Operação Cangaceiro Negro (1977)
  26. Operação Rio das Mortes
  27. Operação Barreira do Inferno
  28. Operação Ladrões do Mar
  29. Operação Bafo da Onça (1978)
  30. Operação Seringal dos Afogados (1979)
  31. Operação Mistério dos Cascais
  32. Operação Poço do Agreste
  33. Operação Petróleo Verde
  34. Operação Piratas do Amapá
  35. Operação Cidade-Fantasma



Série Bira e Calunga



Publicado entre 1973 e 1975 pela editora Edições de Ouro (atual Ediouro) dentro da coleção Mister Olho. A série é composta por 10 títulos que o autor escreveu usando o pseudônimo Gideão Madureira. As histórias são protagonizadas Bira e seu cachorro Calunga, que vivem se metendo em aventuras com muito mistério. Em alguns livros, os heróis tiveram a ajuda da menina Mariinha. Quando isso acontecia, o título do livro começava com "Bira e Mariinha", em vez de "Bira e Calunga", e a série na capa do livro era nomeada como Bira e Mariinha Calunga.



  1. Bira e Calunga na Floresta de Cimento (1973)
  2. Bira e Calunga no Solar das Almas (1973)
  3. Bira e Calunga no Reino do Mágico Merlíni (1973) – foi também lançado como Bira e Mariinha no Reino do Mágico Merlíni
  4. Bira e Calunga na Caverna do Curupira (1974)
  5. Bira e Calunga na Ilha dos Cabeludos (1974)
  6. Bira e Mariinha no Corredor dos Zumbis (1974)
  7. Bira e Calunga na Selva do Sacarrão (1975)
  8. Bira e Calunga e o Segredo dos Gatos (1975)
  9. Bira e Calunga e a Cilada ao Diabo (1975)
  10. Bira e Mariinha no Vale do Silêncio (1975)



Série Chereta



Publicado entre 1974 e 1975 pela editora Edições de Ouro (atual Ediouro) dentro da coleção Mister Olho. A série é composta por 6 títulos que o autor escreveu usando o pseudônimo Maruí Martins. As histórias são protagonizadas por Milu do Amaral, filha do delegado, que investiga vários casos usando o codinome Chereta.



  1. Chereta e as Marionetes (1975)
  2. Chereta e as Motocas (1975)
  3. Chereta e o Carrossel Eletrônico (1975)
  4. Chereta e o Homem Sem Memória (1975)
  5. Chereta e o Monstro Marinho (1974)
  6. Chereta e o Navio Abandonado (1975)



Série Inspetor Marques



Publicado em 1962 e 1963 pela editora Vecchi, a série de livros é baseada no personagem criado para o programa de rádio “Teatro de Mistério”, da Rádio Nacional.



  1. Departamento de Polícia Judiciária (1962)
  2. 3 Casos do Inspetor Marques (1963)



Série K.O. Durban



Publicado entre 1965 e 1969 pela editora Monterrey. A série é composta por 42 volumes divididos em 22 títulos, já que a maioria dos títulos foram lançados em dois volumes.  O nome do autor não era creditado nos exemplares publicados.  A série narra as aventuras de Keith Oliver Durban, um ex-espião de 34 anos, que foi expulso da CIA por ter matado pessoas que não devia. Ele vive sossegado numa ilha particular no Havaí com suas seis noivas ("uma para cada dia da semana, descando aos domingos"), até que, devido à Guerra do Vietnã, é chamado de volta à ativa pelo Pentágono, para várias missões pelo mundo inteiro.



  1. Traição no Vietnam (2 volumes)
  2. Desencontro em Moscou (2 volumes)
  3. Crime no Teto do Mundo (2 volumes)
  4. O Segredo dos Ufos (2 volumes)
  5. Atentado em Pequim (2 volumes)
  6. Pânico em Berlim (2 volumes)
  7. Conflito em Israel (2 volumes)
  8. Violência na América (2 volumes)
  9. Contra o Dragão Vermelho (2 volumes)
  10. Contra o Homem Forte no Haiti (2 volumes)
  11. Contra o Monstro do Ártico (2 volumes)
  12. Contra o Terror de Chipre (2 volumes)
  13. Contra os Vampiros de Angola (2 volumes)
  14. Contra os Fenômenos da Ilha (2 volumes)
  15. Contra os Nazistas do Paraguai (2 volumes)
  16. Contra o Dono da Bomba H (2 volumes)
  17. Assassinos de Estudante (2 volumes)
  18. Missão Submarina (2 volumes)
  19. Morte na Fórmula V (2 volumes)
  20. Caça ao Homem em Hong Kong (2 volumes)
  21. Operação Carnaval
  22. Os 3 pecados de K.O. Durban



Série Missão Perigosa



Publicado entre 1975 e 1978 pela editora Edições de Ouro (atual Ediouro) dentro da coleção Mister Olho, sendo relançada novamente pela editora Ediouro em 1984 na coleção Elefante. A série é composta por 13 títulos que o autor escreveu usando o pseudônimo Yago Avenir dos Santos (nas edições de 1984, os livros foram lançados com o nome do autor, Hélio do Soveral). Os livros narram as aventuras da dupla Ju-Ju (Júlio César e Jussara), um casal de jovens repórteres brasileiros que fazem a cobertura jornalística de diversos casos misteriosos pelo mundo afora.



  1. Missão Perigosa em Paris (1975)
  2. Missão Perigosa em Londres (1975)
  3. Missão Perigosa em Nova Iorque (1975)
  4. Missão Perigosa em Roma (1975)
  5. Missão Perigosa em Tóquio (1976)
  6. Missão Perigosa nas Bermudas (1976)
  7. Missão Perigosa em Hollywood (1976)
  8. Missão Perigosa no Zaire (1976)
  9. Missão Perigosa no México (1976)
  10. Missão Perigosa em Madri (1977)
  11. Missão Perigosa: o Monstro de Loch Ness (1978)
  12. Missão Perigosa no Polo Norte (1978)
  13. Missão Perigosa em Chicago (1978)



Série Os Seis



Publicado entre 1975 e 1977 pela editora Edições de Ouro (atual Ediouro) dentro da coleção Mister Olho, totalizando 12 títulos. Em 1983 a série foi republicada novamente pela editora Ediouro dentro da coleção Até 12 Anos, trazendo mais 7 títulos inéditos, totalizando os 19 títulos que compõe a série. O autor escreveu usando o pseudônimo Irani de Castro. As histórias são protagonizadas por Zé Luís, Dudu, Marilene, Anete, Beto-Ferrugem e o cãozinho Saci, que juntos formam a "Sociedade Secreta dos Seis" (SS6).



  1. Os Seis e o Mistério dos Penhascos (1975)
  2. Os Seis e o Tesouro Escondido (1975)
  3. Os Seis e a Pérola Maldita (1975)
  4. Os Seis e a Ilha Fantasma (1975)
  5. Os Seis e o Casarão em Ruínas (1975)
  6. Os Seis e a Mina Abandonada (1976)
  7. Os Seis o Teco-Teco Misterioso (1976)
  8. Os Seis e o Moinho Fantasma (1976)
  9. Os Seis e a Cidade Subterrânea (1977)
  10. Os Seis e o Farol da Ilha Quebrada (1977)
  11. Os Seis e o Segredo do Sambaqui (1977)
  12. Os Seis e o Galeão Espanhol (1977)
  13. Os Seis e o Pirata de Paquetá (1983)
  14. Os Seis e o Circo do Diabo (1983)
  15. Os Seis e a Granja das Garrafadas (1983)
  16. Os Seis e o Trem Fantasma (1983)
  17. Os Seis e o Cemitério Clandestino (1983)
  18. Os Seis e a Bomba Atômica (1983)
  19. Os Seis o Seqüestro de Saci (1984)



Coleção Spectro



Publicado pela editora Monterrey, a coleção trouxe 15 títulos diferentes e não seriados escritos por Hélio do Soveral usando o pseudônimo Ell Sov. Segue abaixo 10 títulos da coleção.



  1. Crime Total
  2. A Revolução dos Leucócitos
  3. A Noite do Crime
  4. As Três Faces da Verdade
  5. O Castelo das Vozes
  6. Na Cova dos Mortos
  7. Benfeitora dos Aflitos
  8. A Predição de Satanás
  9. A Besta de Croydon
  10. Lady May



Outros títulos:



  1. Meu Companheiro de Trem (1938, Editora Cooperativa Cultural Guanabara)
  2. Mistério em Alto-Mar (1939, Editora Cooperativa Guanabara)
  3. Morte Para Quem Ama (1963, Editora Vecchi)
  4. Memória do Campo 17 (usando o pseudônimo Alexeya Slovenskaia Rubetich)
  5. Zezinho Sherlock em Dez Mistérios para Resolver (1986, Ediouro)



Informações sobre o autor:



  • Aos 7 anos de idade, os pais de Soveral imigrou de Portugal para o Brasil. Quando eles se divorciaram, a mãe voltou para Portugal, ficando o garoto e o pai no Brasil.
  • A partir dos 15 anos começou a trabalhar e passou por muitos empregos diferentes: servente de pedreiro, jornaleiro, auxiliar de escritório, balconista e operário numa chapelaria.
  • Soveral foi autodidata, ou seja, aprendeu a ler e a escrever sem frequentar escolas.
  • Aos 27 anos publicou seu primeiro conto policial no jornal “A Nação”.
  • Exerceu as profissões de radialista, escritor e roteirista.
  • Foi Soveral que fez a última entrevista com o cantor e compositor
  • Seus pais foram Carlos de Oliveira Trigo e Maria Leonilde de Soveral Rodrigues.
  • Casou-se em 1945 com Celina Celeste Gramiani (falecida em 1976), com quem teve a filha Anabelí.
  • Residiu no bairro de Copacabana, na cidade do Rio de Janeiro, por 60 anos.
  • Soveral roterizou histórias em quadrinhos que foram publicadas em revistas como Spektro, Pesadelo, entre outras. Entre essas histórias estão: "Os Bonecos Africanos” (revista “Spektro”, década de 1970) e “A Estátua de Caim” (revista “Spektro”).
  • Em 1985, na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro, foi aprovada na Sessão de 5 de dezembro de 1985 do Projeto de Resolução número 463, de 1985, de autoria do Deputado Messias Soares, a concessão de "Título de Cidadão do Estado do Rio de Janeiro ao Escritor Hélio do Soveral Rodrigues de Oliveira Trigo".
  • Trabalhou nas rádios Nacional, Tupi e Mauá, entre outras. Alguns dos programas apresentados por Soveral foram: "Teatro de Mistério" (Rádio Nacional, nas décadas de 1960 e 1970), "Rádio-Semana" (Rádio Nacional), "Parada dos Maiorais" (Rádio Nacional), "Balança Mas Não Cai", "Um Fio de Melodia" (Rádio Nacional), "A Voz da RCA Victor", "O Cartaz da Semana", "Ganha Tempo Duchen", "Teatro Experimental do Trabalhador" (Rádio Mauá).
  • Entre os filmes roteirizados por Soveral, estão: “É Com Este Que Vou” (1948), “Dominó Negro” (1949), “O Falso Detetive” (1951), “Milagre de Amor” (1951), “O Esquadrão da Morte” (1975). Além disso ele escreveu o argumento dos seguintes filmes: “Segura Esta Mulher” (1946), “Este Mundo É Um Pandeiro” (1947), “Falta Alguém no Manicômio” (1948), “E o Mundo Se Diverte” (1948) e “A Noite dos Assassinos” (1976).
  • O escritor também atuou em 3 filmes de sua autoria: “Falta Alguém no Manicômio” (1948), Dominó Negro” (1949) e “O Falso Detetive” (1951).
  • Com 82 anos mudou-se para Brasília, onde vivia sua filha que era funcionária da Câmara dos Deputados.
  • Pouco meses após a mudança, morreu atropelado por uma moto.



Fontes:






2 comentários:

  1. Sempre gostei desses livros da coleção Spectre. Gostaria de saber como adquirir hoje, pois há mais de 40 anos que possui alguns.

    ResponderExcluir
  2. Se alguém quiser vender os dois últimos livros da Turma do Posto Quatro (Operação Piratas do Amapá e Operação Cidade Fantasma), eu gostaria de comprá-los. Dilson email: dms.filho@globo.com

    ResponderExcluir